Inclusão: Advogados especialistas em direito do deficiente

Você sabia que existe um especialista na área do Direito que se dedica apenas em cuidar de casos voltados para o direito dos deficientes? Há 3 anos entrou em vigor a lei 13.146 - Estatuto da Pessoa com Deficiência - PCD, que altera a compreensão frente às pessoas com deficiência, com o objetivo de defender o direito de inclusão à cidadania e social.

Depois que a lei entrou em vigor, a oportunidade para os advogados que desejam especializar-se nessa área aumentou.


Mas o que faz o profissional de Direito que atua nessa área? 

O papel do Advogado especializado em direito do deficiente é cuidar dos direitos que defendem a inclusão de pessoas com deficiência, de modo a garantir a participação dos mesmos - de forma igualitária - na sociedade.

Desse modo, é necessário que o especialista tenha um conhecimento apurado e demonstre empatia, a fim de defender com base na lei, o tratamento igualitário do seu cliente, além de auxiliar sempre que necessário, para que a pessoa tenha uma vida íntegra.


E quais são os principais clientes desse profissional? 

De acordo com o artigo 2º, considera-se pessoa com deficiência indivíduos que possuem impedimento de longo prazo de natureza física, mental, intelectual ou sensorial, que oferecem riscos à sua plena participação em sociedade.


Mercado de trabalho

Levando em consideração que essa é uma área pouco conhecida, o mercado de trabalho para esses profissionais pode ser visto como um segmento em expansão, por isso, aqueles que desejam se dedicar ao ramo tem grandes chances de destacar-se no cenário.

Vale lembrar, que assim como para qualquer outro ramo, é necessário que a pessoa busque sempre aperfeiçoar-se, para que venha desenvolver um trabalho responsável, ético e eficaz. Portanto, quem tem interesse em seguir carreira como Advogado especializado em direito do deficiente, deve buscar se aprofundar na área, através de estudos de casos de sucesso, além de relacionar-se com outros profissionais que atuam no ramo.

As áreas Trabalhista e Tributário são as áreas do Direito que oferecem maior oportunidade para quem deseja seguir nesse ramo. O especialista em direito de deficiente que escolher atuar na área Trabalhista, terá suas atividades focadas nos interesses individuais voltados aos direitos de pessoas com deficiência dentro das empresas.

Já quem escolher se dedicar ao ramo Tributário cuidará dos direitos direcionados para questões tributárias como o nome já sugere, a exemplo da isenção de impostos para deficientes.


Fonte: https://www.educamaisbrasil.com.br